Carnaval com segurança: 10 dicas essenciais para curtir a folia

Carnaval chegando, verão, calor e clima de festa no ar! Mas, para curtir os bloquinhos e celebrações desta época, é preciso tomar alguns cuidados essenciais e evitar prejuízos que vão além do financeiro. Veja como passar o Carnaval em segurança e o que fazer para aproveitar a folia sem preocupação.

Você já deve ter ouvido a antiga marchinha de Carnaval “Ei, você aí, me dá um dinheiro aí!”, certo? E se a gente te contasse que essa música pode se tornar real durante os blocos e festas?

Calma… pode guardar a doleira, colocar a fantasia e sair sem medo. Mas, antes de pular Carnaval, conheça 10 dicas de segurança que a Superdigital separou para você. Olha só:

Sair durante as festas de fevereiro demanda três pontos importantes: organização, paciência e levar apenas o necessário. Evite carregar bolsas pesadas ou itens que podem ser deixados em casa. Tenha em mente que menos é mais.

Sabe aquelas bolsinhas pequenas e super discretas que podem ir por baixo da roupa? Conhecidas como doleiras, elas funcionam como “bolso” dos foliões que gostam de se sentir seguros nas festas.

Porém, devido ao tamanho compacto das doleiras, é recomendado levar também uma pochete para objetos maiores, como protetor solar, óculos de sol etc.

Ainda que o cartão seja muito prático no dia a dia, é preciso cuidado redobrado durante as festas de Carnaval. Ao comprar de vendedores ambulantes e credenciados, dê preferência para o dinheiro trocado. Dessa forma você evita fraudes com cartão e não manuseia notas altas que podem chamar muita atenção.

Evite ficar em locais sem acessos fáceis à saída, especialmente se você não está acostumado com o alto fluxo de pessoas. Uma boa opção são os blocos de rua pequenos, de bairro, já que a concentração de foliões é bem menor.

Vai viajar nessa época e já está com as malas feitas? Que tal verificar se o seu pacote de viagem inclui um seguro nacional? Caso não tenha feito um ainda, procure por serviços que te tragam segurança em momentos necessários, sem burocracia.

Durante os blocos e festas com muitas pessoas ao redor, não é recomendável estar com o celular em mãos. Mas, se for preciso fazer uma ligação ou responder alguma mensagem, entre em um estabelecimento e se comunique de maneira rápida, guardando o celular logo em seguida, combinado?

Similar à dica de cima, para não arriscar perder o celular durante um furto ou roubo, confira todo o trajeto do bloco e o local de concentração antes de chegar ao destino. Imprevistos como ficar sem sinal e sem bateria podem acontecer.

Essa dica pode ser uma antiga conhecida dos fãs de Carnaval, mas segue em alta até hoje. Como muitas pessoas devem ir às ruas, a tendência do valor das viagens por aplicativo é aumentar, pesando no bolso. Que tal pegar o bilhete e ir de ônibus ou metrô?

O alerta para os pais que pretendem levar as crianças para bloquinhos infantis é sempre estar atento aos pequenos. Se necessário, procure ajuda da polícia e alerte outros pais que estejam próximos.

Sempre tenha um ponto de encontro e referência, para ninguém ficar para trás. Lembra da dica sobre o uso do celular? Entre em um estabelecimento e ligue para a pessoa, se possível.