O açúcar é sempre o vilão?

O açúcar é sempre o vilão?

Que o açúcar altera as taxas de glicose no corpo, a maioria já sabe. No entanto, muitas pessoas novas no diagnóstico o enxergam como um vilão que jamais pode ser consumido na rotina, e, na verdade não é bem assim.

É importante que as pessoas em tratamento de diabete e seus familiares saibam a importância do açúcar em alguns contextos da doença e entenda quais situações fazem necessário o seu uso. Estamos falando das hipoglicemias.

A palavra se dá pela junção de “hipo” (baixo, reduzido) e “glicemia” (taxa de açúcar no sangue), ou seja, baixo nível de açúcar no sangue. Muito conhecida pelos tremores e fraqueza, que ocorre quando as glicemias caem abaixo do valor de 70 nas aferições. 

Nessas horas o açúcar se torna um grande aliado do tratamento, com o seu auxílio é possível reverter rapidamente esse quadro. Pode parecer estranho para quem não entende do tratamento de diabete, ver alguém com o diagnóstico recorrendo a balas, açúcar, sucos adocicados, mas, na verdade, essa pessoa pode estar simplesmente seguindo as orientações dadas por seu médico diante dessa situação. 

Comunique sua rede de apoio e pessoas próximas sobre como agir em casos de hipoglicemias, explique os sintomas e como resolver a situação. É importante que pessoas leigas ao tratamento não considerem o ato de “chupar balinha” algo nocivo para a pessoa em tratamento de diabete, pois essa simples atitude pode salvar vidas e situações graves.

Fonte: Gliconline