• Por que diabéticos estão entre grupos mais vulneráveis ao coronavírus? Saiba quais são os riscos!

    Um dos grupos mais vulneráveis ao coronavirus é o diabético. Especialistas explicam que excesso de glicose no sangue e processo inflamatório ativo afetam o funcionamento do sistema imunológico. Sintomas podem ser mais graves nesses pacientes; veja os cuidados que eles devem tomar.

    Especialistas explicam que excesso de glicose no sangue e processo inflamatório ativo afetam o funcionamento do sistema imunológico. Sintomas podem ser mais graves nesses pacientes; veja os cuidados que eles devem tomar.

    Diabéticos estão entre os grupos mais vulneráveis ao novo coronavírus por dois motivos principais: excesso de glicose no sangue e tendência a inflamação – essas duas condições impedem que o sistema imunológico responda adequadamente a infecções por vírus e bactérias.

    Relatórios da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde colocam quem tem diabetes entre os mais suscetíveis à Covid-19. 

    Os principais fatores que explicam a vulnerabilidade são :

    • excesso de açúcar no sangue dificulta o combate a doenças
    • processo de inflamação é mais acentuado nos diabéticos
    • Por causa do sistema imunológico comprometido de quem tem diabetes, alguns sintomas da infecção por coronavírus demoram a aparecer

    Veja os cuidados específicos que diabéticos devem tomar:

    • Controlar a glicemia (índice de açúcar no sangue)
    • Dieta balanceada e atividade física constante
    • Tomar vacinas para outras infecções virais e bacterianas

    Entenda os riscos para diabéticos

    • excesso de açúcar no sangue dificulta o combate a doenças
    • processo de inflamação é mais acentuado nos diabéticos
    • Por causa do sistema imunológico comprometido de quem tem diabetes, alguns sintomas da infecção por coronavírus demoram a aparecer

    Veja os cuidados específicos que diabéticos devem tomar:

    • Controlar a glicemia (índice de açúcar no sangue)
    • Dieta balanceada e atividade física constante
    • Tomar vacinas para outras infecções virais e bacterianas

    Entenda os riscos para diabéticos

    • excesso de açúcar no sangue dificulta o combate a doenças
    • processo de inflamação é mais acentuado nos diabéticos
    • Por causa do sistema imunológico comprometido de quem tem diabetes, alguns sintomas da infecção por coronavírus demoram a aparecer

    Veja os cuidados específicos que diabéticos devem tomar:

    • Controlar a glicemia (índice de açúcar no sangue)
    • Dieta balanceada e atividade física constante
    • Tomar vacinas para outras infecções virais e bacterianas

    O endocrinologista João Eduardo Nunes Salles, membro da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), explica que diabéticos têm mais tendência a desenvolver inflamações.

    Por conta do sistema imunológico comprometido, diabéticos não conseguem dar os sinais de alarmes claros da doença, segundo a infectologista Rosana Richtmann, também da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI).

    Mais recomendações para diabéticos

    O controle da glicemia é a medida mais eficaz para proteger diabéticos de infecções. Outras orientações são a dieta balanceada e a atividade física constante

    Veja mais notícias em nosso blog.

    Médicos também recomendam que o paciente se prevenia de outras infecções para não debilitar o organismo.

    Fonte: Bem Estar

    Deixe seu Comentário →

Área de Comentários Logo Abaixo

Cancel reply