• Dicas importantes

    Dicas importantes

    Algumas dicas fundamentais para praticar atividade física

    afinal de contas o Diabetes não impede você de viver.

     

     

    1. O risco de hipoglicemias aumenta durante a atividade física?

     

    Sim. A atividade física melhora a sensibilidade à insulina, e se não tiver cuidados básicos, a hipoglicemia pode mesmo ocorrer até 24 horas após a prática.

     

    2. Como evita-las?

     

    Primeiramente é necessário rever seu esquema insulínico. Não são raras as vezes que a diminuição da dose de insulina do dia, ou hipoglicemiantes orais será necessária. Dependendo do horário da atividade física, o ajuste da dose de medicamento/insulina da refeição anterior já é suficiente, apenas ajustando a relação insulina:carboidrato daquela refeição. Para os usuários de bombas de infusão de insulina pode ser necessário utilizar o basal temporário e em algumas situações retirar a bomba. A alimentação antes, durante e após a atividade física também é determinante para evitar a hipoglicemia.

     

    3. O que comer antes, durante e após a atividade física?

     

    O carboidrato tem um papel fundamental na prática de atividade física. É ele que mantém sua energia e glicemias estáveis. Mas não é por isso que pode abusar, pensando apenas em reduzir os episódios de hipoglicemia. A estabilidade das glicemias durante seu treino, fará com que a sua performance seja preservada. Claro que as quantidades de cada alimento devem ser estipuladas de maneira individual, por isso uma consultar um nutricionista especializado em Diabetes é de extrema importância.

     

    Antes da atividade física:

     

    01 fruta com aveia ou Pão integral com queijo ou Iogurte desnatado ou light com cereal. Nada muito pesado para não atrapalhar sua atividade.

     


    Durante a atividade física:

     

    Se seu treino durar mais que uma hora, será necessária a ingestão de 15-20 gramas de carboidrato a cada 45 minutos. Como exemplos temos os géis de carboidrato, as bebidas isotônicas que além de hidratar fornecem energia, água de coco.

     

    Após a atividade física:

     

    Esta refeição é de suma importância, não apenas para evitar os episódios de hipoglicemia como também para que você não perca massa muscular. Aqui será importante a inclusão do carboidrato e a proteína. A quantidade necessária será calculada pelo seu nutricionista, que levará em consideração seu peso corporal.

     

    4. Posso ingerir suplementos alimentares?

     

    Antes de pensar sobre ingerir suplementos terá que fazer um check list nutricional para avaliar sua alimentação atual. Alguns ajustes na alimentação já são o suficiente para que sua performance seja preservada.

     

    O tema preferido nas academias são os suplementos, especialmente os whey proteins. No nosso dia todo, a necessidade de proteína varia de 12-15%,  equivale a dois bifes e 02 copos de leite. Então não adianta comer 08 claras de ovo, vários scoops de whey protein para ganhar massa muscular. O que faz ganhar massa muscular é justamente a combinação dos carboidratos e proteínas nas quantidades e horário correto. Tratando-se de Diabetes especialmente, o consumo exagerado de proteína pode sobrecarregar os rins.

     

    No caso de atletas profissionais ou que participam de competições, os suplementos podem ser utilizados com cautela, sempre orientados pelo nutricionista.

     

    5. Devo medir a glicemia durante o treino?

     

    Não apenas durante, mas antes e depois também.

     

    Fonte: Sociedade Brasileira de Diabetes

     

    Deixe seu Comentário →

Área de Comentários Logo Abaixo

Cancel reply